terça-feira, 24 de dezembro de 2013

terça-feira, 12 de novembro de 2013

Vem chegando o natal - Aline Barros


Letra
Vai começar
Um brilho no ar
Que festa tão linda
Você vai gostar!

Vem que está chegando o natal (2x)
Pois nasceu Jesus, o salvador
Estrelas no céu
A cintilar
Cores no ar
Vamos celebrar!

Vem que está chegando o natal (2x)
Pois nasceu Jesus, o salvador

Natal é alegria
É Jesus no coração
Por isso noite e dia
Vou cantando essa canção;
Ohoou!
Vai começar um brilho no ar
Que festa tão linda você vai gostar!

Vem que está chegando o natal (2x)
Pois nasceu Jesus, o salvador
Meninos e meninas
De todas as nações
Comemoram este dia
O natal é muito bom
Estrelas no céu
A cintilar
Cores no ar
Vamos celebrar!

Vem que está chegando o natal (2x)
Pois nasceu Jesus (3x) o salvador

sábado, 12 de outubro de 2013

A história do rei Manassés.-BOA PARA O DIA DE HALLOWEEN



A história do rei Manassés
Leitura Bíblica: II  Reis 21:1-18
II Cr 33:11-20 - O arrependimento do rei Manassés

Música: Com Armadura de meu Deus ,
o inimigo vou vencer,
Com a bíblia e com a fé,
Vou permanecer.
Firme sim,firme sim ,firme vou ficar.
Firme sim,firme sim ,firme vou ficar.
(gostei ,achei na net e serve de sugestão)


História:
Preste atenção!!!
A história dos reis de Israel e Judá sempre começa pela frase: “fez o que era bom aos olhos do Senhor”, ou “fez o que era mau diante dos olhos do Senhor.” Não há meio termo, em nenhum caso se lê a expressão: “fez mais ou menos o que era mau aos olhos do Senhor”. A razão disso é que Deus lidava direto com os reis constituídos sobre o Seu povo e os reis tinham duas alternativas, ou faziam o que era bom, ou o que era mau. Eles tinham direito à sua escolha, mas tinham de assumir as consequências delas.

Alguns reis foram fieis a Deus e foram honrados, vitoriosos e curados, outros preferiram seguir após outros deuses e foram reprovados por Deus. Os reprovados dificilmente tiveram uma nova oportunidade, mas o rei Manassés de Judá teve sua segunda chance de se consertar diante de Deus
Depois que o rei Ezequias morreu, o seu filho Manassés, aos doze anos de idade, começou a reinar em Jerusalém. Ao contrário de seu pai, Manassés não agradou ao Senhor no seu reinado, antes fez de tudo para irritar o Senhor e corromper o povo de Judá com idolatria e feitiçarias.

Na verdade Manassés desfez tudo o que seu pai tinha feito para tirar a idolatria do meio do povo, assim ele restaurou os altares de outros deuses, levantou altares aos Baalins, fez bosques em torno dos ídolos de pedra e prostrou-se diante de todos os deuses dos povos que viviam perto de Judá e os serviu. Além disso, Manassés profanou a Casa do Senhor em Jerusalém e edificou altares para todo o exército do céu e isso nos átrios da Casa do Senhor.

O rei Manassés tornou-se também um bruxo, pois, conforme faziam as nações que habitavam a terra de Canaã antes dos israelitas, envolveu-se com feitiçarias, adivinhações, encantamentos e agouros.


Quando os israelitas haviam entrado na terra prometida, o Senhor ordenou-lhes que lançassem fora da terra os cananeus assim como as suas práticas de adivinhações, feitiçarias e até de sacrifícios humanos. Manassés, porém, tanto fez o povo errar, que o levou a fazer coisas até piores do que as nações pagãs que o Senhor ordenou manter distância.


Em (2 Crônicas 33:6) lemos: “Fez ele também passar seus filhos pelo fogo no vale do filho de Hinom, e usou de adivinhações e de agouros, e de feitiçarias, e consultou adivinhos e encantadores, e fez muitíssimo mal aos olhos do SENHOR, para o provocar à ira.”  Viu só? Manassés caprichou na idolatria.

Vendo o Senhor Deus que a sua terra e o seu povo estavam cada vez mais contaminados pela idolatria e pelo pecado, começou a avisar, através dos profetas, a Manassés e ao povo para que se arrependessem dos horrores que estavam fazendo. Deus disse-lhes que, se eles não corrigissem os seus caminhos, viria um tão grande mal sobre eles, que aquele que ouvisse falar ficaria com as orelhas em pé.

Manassés não deu ouvidos aos profetas e Deus o advertiu várias vezes sobre a maldade de seu coração


Nada passa sem que o Senhor veja, nem o bem e nem o mal e com Manassés não foi diferente. Deus se cansou da maldade do rei e trouxe sobre eles os capitães dos exércitos da Assíria.
Jerusalém foi invadida pelo poderoso exército da Assíria, que era a potência dominante da época e Manassés foi preso com ganchos, cadeias e levado para a Babilônia.

Veja como são as coisas, o cidadão pode ser rico, poderoso, cheio de amizades influentes, pode ser até um rei, mas se não andar nos caminhos do Senhor corre o sério risco de perder tudo, de ser preso por qualquer motivo.
No cativeiro na Babilônia, Manassés mudou de atitude, ele se arrependeu amargamente de suas atitudes, de todo o mal que havia praticado e fez uma sincera oração a Deus. O texto bíblico diz: “E ele, angustiado, orou deveras ao SENHOR seu Deus, e humilhou-se muito perante o Deus de seus pais.”  (2 Crônicas 33:12).

Deus é misericordioso e se arrepende do mal, então Ele ouviu sua oração e restaurou Manassés, ele voltou a Jerusalém e reconheceu que só o Senhor é Deus.
Deus permitiu Manassés passar por um cativeiro porque de um grande sofrimento viria uma grande mudança. Assim, a história do rei Manassés, cujo nome significa “faz esquecer”, é um exemplo de que as pessoas, por piores que tenham sido, ainda assim, podem se concertar e recomeçar uma nova vida para a glória de Deus.
Depois de ser restaurado, Manassés edificou o muro de fora de Jerusalém, nomeou capitães de guerra em todas as cidades fortificadas de Judá, tirou da Casa do Senhor os deuses estranhos, como também os altares que havia edificado e jogou tudo fora.

Manassés ordenou a Judá que servisse ao Deus de Israel, porém nem todo o mal praticado pelo rei pôde ser reparado, pois Israel continuou sacrificando a deuses estranhos, apesar de Manassés ter feito sua parte e Deus lhe deu uma nova oportunidade.

O rei Manassés morreu e foi sepultado em sua própria casa, a casa do rei que fez muitíssimo mau aos olhos do Senhor, mas que se arrependeu e foi restaurado. Amom, seu filho, reinou em seu lugar.

Mudança de atitude foi a chave para a restauração do rei Manassés. Ele se arrependeu sinceramente de todo o mal praticado, reconheceu o Senhor como o único e verdadeiro Deus e teve seu reino de volta. Deus não resiste a um coração sincero e arrependido, Deus não resiste a uma mudança de atitude.


Qualquer que seja seu problema, ele tem solução em Deus, mas vai depender de você, de sua mudança de atitude. Mudar de atitude já é meio caminho andado em direção ao sucesso. Enquanto arrependimento em si mesmo é uma mudança de atitude, ele também exige uma mudança na conduta da pessoa. João Batista instruiu as pessoas com, "Produzi, pois, frutos dignos de
 arrependimentos”Mateus 3:8)Uma pessoa que realmente mudou de atitude com respeito ao pecado manifestará essa mudança em suas ações. Jesus falou das diferenças entre as boas e as más pessoas, e disse ". . . pelos seus frutos os conhecereis" (Mateus 7:20).Manassés precisou reconhecer como seu Deus o Deus de Israel e esta mudança de posição foi determinante em sua vida. Da mesma forma você precisa reconhecer Jesus como seu único Salvador, esta mudança de atitude vai fazer a diferença em sua vida.
Trabalhinhos para colorir















terça-feira, 27 de agosto de 2013

Lembrancinhas para dia das crianças

Lembrancinhas que pego aqui na net e recebo de amigas e grupos por email. Estou repassando mas se alguém se sentir lesado é só falar .